A China – sob Xi Jinping e o Partido Comunista Chinês (PCC) – é um dos países que mais persegue, censura, prende e até “desaparece” com cristãos. Igrejas são vandalizadas pela própria polícia, derrubadas, têm seus símbolos e arte profanados e agora seus fieis são monitorados por câmeras instaladas dentro de igrejas. O papa argentino certamente sabe de tudo, mas preferiu renovar um inexplicável “acordo” entre o Vaticano e o país comunista. Crédito: Asia Society

O relatório da organização internacional Bitter Winter, que atua na defesa da liberdade religiosa na China, apontou que as autoridades do país estão instalando equipamentos de reconhecimento facial dentro de igrejas cristãs.

O objetivo é intimidar fiéis e tentar exterminar o cristianismo no país comunista ateu, bem conhecido por perseguir cristãos e marginalizar cultos.

Segundo o documento da Bitter Winter, já foram instaladas mais de 200 câmeras em um condado da província de Jiangxi.

“As câmeras são feitas e instaladas com a aprovação do Departamento de Segurança Pública. Todas as informações de identidade são armazenadas no sistema de vigilância do Departamento de Segurança Pública assim que as câmeras registram o rosto de alguém”, explicou um trabalhador que instalou alguns dos equipamentos.

Ainda segundo ele, trata-se de uma forma de colher informações sobre os chineses monitorados que estariam em uma “lista negra da polícia”.

No entanto, a Bitter Winter afirma que, além de colher informações sobre os fiéis, as câmeras conseguiriam monitorar a atividade religiosa no país, uma vez que contam também com microfones e são controladas remotamente.

“Duas câmeras foram instaladas em nossa igreja: uma apontada para o púlpito e a outra para a congregação. Temos que ser muito cautelosos com o que dizemos na igreja agora”, disse um padre católico no relatório.

A ONG denuncia ainda que a própria polícia da região de Poyang admitiu a intenção.

“O governo instalará câmeras em todas as igrejas do condado e fechará qualquer local que as desobedecer”, apontou o relatório.

Fonte: Gabriela Doria/Pleno News

Leia também:

Apelo urgente em defesa da Civilização Cristã

“Acordão” entre Vaticano e China acaba de ser renovado, sob segredos inconfessáveis e transparência ZERO

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s