Crédito: Jim Young/Reuters

O presidente Donald Trump afirmou na terça-feira (06) à noite que autorizou a divulgação total dos documentos do escândalo envolvendo o servidor privado que Hillary Clinton tinha em sua casa para armazenar seus e-mails oficiais como secretária de Estado.

Trump também autorizou a divulgação de todos os documentos do caso envolvendo a Rússia, que segundo Trump, teria sido um embuste criado pelos democratas para encobrir o escândalo dos e-mails de Hillary durante as eleições de 2016.

“Eu autorizei a total desclassificação de qualquer e todos os documentos pertencentes ao maior CRIME político da história americana, o Hoax da Rússia. Da mesma forma, o escândalo de e-mail de Hillary Clinton. Sem borrões!”

Hillary Clinton, sentindo-se ameaçada por investigações, teria apagado cerca de 33 mil e-mails de seu servidor ilegalmente criado no porão de sua residência. O servidor privado teria sido criado pela então secretária de Obama para que ela não tivesse que utilizar seu e-mail oficial do Departamento de Estado, o que é proibido, segundo regras da administração pública americana.

Saiba mais sobre o Obamagate.

Fonte: Direto da América

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s